“QUANDO ME AMEI DE VERDADE” O MARAVILHO POEMA DE CHARLES CHAPLIN

Postado por Valentin Ferreira / do Amenteemaravilhosa

Um dos poemas mais famosos de Charles Chaplin, que nos oferece uma fabulosa lição sobre o crescimento pessoal, começa assim: “Quando me amei de verdade, eu realmente entendi que, em qualquer circunstância, diante de qualquer pessoa e situação, eu estava no lugar certo e no momento exato. Foi então que eu pude relaxar. Hoje eu sei que isso tem um nome: autoestima”.

Os historiadores nos dizem que houve um momento no mundo da arte, da ciência e da cultura em que dois nomes brilhavam acima dos outros: Charles Chaplin e Sigmund Freud. Se o primeiro tinha o rosto mais familiar e admirado, o segundo tinha a mente mais brilhante.

“Não devemos ter medo de nos confrontarmos… até os planetas se chocam e do caos nascem as estrelas”.
 – Charles Chaplin –

Continue lendo ““QUANDO ME AMEI DE VERDADE” O MARAVILHO POEMA DE CHARLES CHAPLIN”

UM VENENO REALMENTE DANINHO: A BAIXA AUTOESTIMA

Por Valentin Ferreira / Via amenteemaravilhosa.com.brBaixa autoestima

A combinação de baixa autoestima com sentimentos negativos, tais como os derivados da ansiedade, depressão e estresse, pode causar problemas psicológicos, físicos e, inclusive, ser fatal.

Às vezes pensamos que os pensamentos negativos e a baixa autoestima são somente um estado de ânimo passageiro que não deixa uma marca profunda em nossas vidas, a menos que permaneça conosco por um período de tempo considerável. Continue lendo “UM VENENO REALMENTE DANINHO: A BAIXA AUTOESTIMA”