MORO É POUCO PARA DESTRUIR LULA, analisa Coimbra

Por Valentin Ferreira/  do Brasil 247