APAGANDO LINKS

Governo Bolsonaro tinha publicado orientações para uso da cloroquina em pacientes com Covid-19 e depois excluiu as prescrições do site do Ministério da Saúde

Ministério da Saúde apaga links com prescrição de cloroquina para Covid19

O Ministério da Saúde apagou de seu site dois links com protocolos que recomendavam o uso de cloroquina e hidroxicloroquina como “tratamento precoce” para a Covid-19.

O ministério anunciou que será realizada nesta quinta-feira (13) uma reunião para definir as novas diretrizes de tratamento para a Covid na rede pública.

Um dos links com as orientações constava na versão antiga do site do ministério, que seguia no ar apesar da criação de uma nova página oficial no ano passado. Já o outro link estava disponível no site da UNA-SUS, a plataforma de capacitação de profissionais do Sistema Único de Saúde. Os dois links foram desabilitados pela pasta na noite de segunda-feira (10), informa a Folha de S.Paulo.

A existência das publicações e agora sua retirada do site do Ministério da Saúde mostram que o ministro Marcelo Queiroga mentiu na CPI da Covid ao dizer que não existia um protocolo de cloroquina no SUS, mas “uma orientação”— o que, para especialistas, é a mesma coisa. (do Brasil 247)