OAB E AS FORÇAS ARMADAS

A OAB Nacional publicou uma nota oficial na qual criticou a “partidarização das Forças Armadas” em razão da absolvição de Eduardo Pazuello. Leia:

A lei estabelece claramente que a hierarquia e a disciplina são a base institucional das Forças Armadas.

Não é raro ouvir declarações públicas dos comandantes militares de que “quando a política entra pela porta da frente num quartel, a hierarquia e a disciplina saem pela porta dos fundos”.

Pois a decisão de hoje escancarou as portas, ao não punir um general da ativa que participou de um evento político, em clara afronta à disciplina e ao que determina a lei.

A partidarização das Forças Armadas ameaça a democracia e abre espaço para a anarquia nos quarteis.

A grave situação do país exige das instituições respostas firmes para impedir retrocessos e quebra da ordem institucional.

Fonte: DCM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *