CAETANO SOBRE “DEMOCRACIA EM VERTIGEM”: “O CINEMA AINDA PODE SER UMA ARMA”

O cantor celebrou a indicação do documentário da cineasta Petra Costa ao Oscar

Da Revista Fórum

O cantor Caetano Veloso comemorou através das redes sociais a indicação do documentário “Democracia em Vertigem” ao Oscar de 2020. Em postagem feita no início da noite desta segunda-feira (13), o artista resgatou uma entrevista em que exalta o filme da cineasta Petra Costa e o impacto que o filme ainda pode causar.

“O cinema ainda pode ser uma arma. O filme de Petra Costa é uma prova disso. Este filme está a causar um grande impacto! É forte, capaz de ensinar o Brasil aos brasileiros e a quem não é brasileiro. Quem não está por dentro do problema atual que veja este filme”, publicou o cantor em suas redes sociais.

Continue Lendo

“TUDO EM VOLTA ESTÁ DESERTO,TUDO CERTO”…”COMO DOIS E DOIS SÃO CINCO”

Postado por Valentin Ferreira

COMO DOIS E DOIS – Compositor: Caetano Veloso

“Quando você me ouvir cantar
Venha, não creia, eu não corro perigo!
Digo, não digo, não ligo, deixo no ar.
Eu sigo apenas porque eu gosto de cantar…

Tudo vai mal, tudo!
Tudo é igual quando eu canto e sou mudo
Mas eu não minto, não minto
Estou longe e perto
Sinto alegrias tristezas e brinco

Meu amor
Tudo em volta está deserto, tudo certo
Tudo certo como dois e dois são cinco.

Quando você me ouvir chorar
Tente, não cante, não conte comigo
Falo, não calo, não falo, deixo sangrar
Algumas lágrimas bastam pra consolar…

Tudo vai mal, tudo!
Tudo mudou, não me iludo e contudo:
A mesma porta sem trinco, o mesmo teto
E a mesma lua a furar nosso zinco…

Meu amor
Tudo em volta está deserto, tudo certo.
Tudo certo como dois e dois são cinco…”

Continue Lendo