EFICÁCIA DA CORONAVAC É MAIS QUE SUFICIENTE PARA DETER A TRAGÉDIA DA COVID

Imagem; Instituto Butantan

Por Fernando Brito

O resultado de 78% de eficácia total da vacina Coronavac e de 100% para evitar casos moderados e graves da doença é mais que suficiente para, com vacinação em massa, por fim à tragédia de mortes e internações hospitalares com a Covid 19.

Explica-se: raríssimas vacinas, sobretudo as menos perigosas e mais tradicionais, feitas, como a chinesa, com vírus atenuado (como a nossa conhecida anti-pólio), oferecem imunidade total neste grau ou superiores.

Para o bloqueio da transmissão, é mais que suficiente e tem capacidade de transformar o contágio pela doença em algo muito eventual e sem maiores consequências.

Continue Lendo

A GUERRA DAS VACINAS

Coronavac chega a São Paulo – Imagem :Reprodução

Por Helio Schwartsman

A “vacina inglesa do Bolsonaro” (Oxford/AstraZeneca) não é nenhuma maravilha. Registrou só 70% de eficácia na melhor interpretação dos dados do estudo de fase 3. Já os resultados da “vacina chinesa do Doria” (Coronavac) devem ser divulgados nos próximos dias.

Por não ter chutado um pênalti para fora, João Doria está na frente de Jair Bolsonaro na disputa, mas não há nenhuma certeza de que sua vacina será certeira. O padrão-ouro em imunização contra a Covid-19 é, por ora, o das vacinas da Pfizer e da Moderna, que conferiram em torno de 95% de proteção nos ensaios clínicos.

Continue Lendo

CORONAVAC É A VACINA EM TESTE MAIS SEGURA CONTRA COVID-19, DIZ DIRETOR DO BUTANTAN

O diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, disse hoje (19) que, dentre todas as vacinas que estão em desenvolvimento e que estão sendo testadas contra o novo coronavírus, a vacina chinesa, chamada de CoronaVac, é a que se mostrou mais segura. Isso significa que ela não vem apresentando efeitos colaterais graves.

“A vacina Butantan é a mais segura em termos de efeitos colaterais. É a vacina mais segura neste momento não só no Brasil, mas no mundo”, disse Dimas Covas.

Continue Lendo