VIVER É CUIDAR, Por Marcelo Barros

Postado por Valentin Ferreira

O  que mais define o ser humano não é a capacidade de pensar, nem é a possibilidade de criar,  mas, principalmente, sua vocação de cuidar.

Por Marcelo Barros (*)

Somos todos filhos e filhas do cuidado. Ninguém sobrevive sem ter, ao menos nos primeiros dias, uma pessoa que lhe garanta os cuidados necessários. Mesmo depois, a criança continua precisando de uma mãe ou/e pai. Na Índia, do século V antes de nossa era, Sidharta Guatama, o Buda, afirmava: “Todos/as somos chamados a olhar a outra pessoa como uma mãe carinhosa olha o filho que está em seu útero”.

Desde os tempos antigos até filósofos do século XX como Heidegger, compreenderam: o que mais define o ser humano não é a capacidade de pensar (“O ser humano é um animal racional). Nem é a possibilidade de criar. O ser humano se define, principalmente, pela vocação de cuidar.

Continue Lendo