CONEXÃO CURITIBA: UMA HIPÓTESE MUITO PROVÁVEL

Agora, todas as peças parecem se encaixar. Como a descoberta do pré-sal, em meio a uma guinada estratégica à direita, nos EUA, colocou o Brasil no centro da “guerra híbrida” e criou as condições para o atual cenário de horrores

Por José Luís Fiori e William Nozaki /Outras Palavras/

É comum falar de “teoria da conspiração”, toda vez que alguém revela ou denuncia práticas ou articulações políticas “irregulares”, ocultas do grande público, e que só são conhecidas pelos insiders, ou pelas pessoas mais bem informadas. E quase sempre que se usa esta expressão, é com o objetivo de desqualificar a denúncia que foi feita, ou a própria pessoa que tornou público o que era para ficar escondido, na sombra ou no esquecimento da história. Mas de fato, em termos mais rigorosos, não existe nenhuma “teoria da conspiração”. O que existem são “teorias do poder”, e “conspiração” é apenas uma das práticas mais comuns e necessárias de quem participa da luta política diária pelo próprio poder.

Continue Lendo

A JUDICIALIZAÇÃO DA POLÍTICA E O DECLÍNIO DA SOBERANIA POPULAR

Postado por Valentin Ferreira

Por Maria Valéria Duartemaria de Souza /do Vermelho via Jornal GGN

Às vésperas do julgamento do recurso contra a condenação que o ex-presidente Lula recebeu em primeira instância, a sociedade brasileira talvez ainda não se tenha dado conta da gravidade que este fato representa em termos de ameaça à democracia. Isto porque sendo aparentemente um rito jurídico, esconde a danosa substituição da vida política pelo espaço restrito das decisões judiciais.

A mídia conservadora não tem poupado esforços para consolidar a ideia segundo a qual a redenção da nação passa exclusivamente pelas togas.

Continue Lendo