TRAGÉDIA DE MARIANA: PARA A JUSTIÇA, A CULPA É DO INVESTIGADOR

Postado por Valentin Ferreira  /do Conexão JornalismoImagem relacionada

Imagem: BlogPortal UAI

Não chega a surpreender. Para a Justiça, na disputa entre os pobres de Mariana, violentados na sua rotina, e as empresas responsáveis, a Vale do Rio Doce e Samarco, o culpado no final das contas fosse o investigador. A pretexto de erros nos depoimentos e coletas de provas justificaram a ação em favor das empresas. Com isso, dois anos depois, ninguém foi responsabilizado pelo derramamento de lama tóxica no leito de rios que destruiu ecossistemas, casas, cidades inteiras levando a desgraça da ambição desenfreada da exploração de minério de ferro para alto mar.

Em decisão histórica de tão patética, a Justiça anula provas e zera a responsabilidade. Em perfeitaharmonia com um país que viver um governo ilegítimo, um parlamento vergonhoso e uma Justiça partidária.

Continue Lendo