“A ESPERANÇA TEM DUAS FILHAS LINDAS, A INDIGNAÇÃO E A CORAGEM” Santo Agostinho

IMAGEM: REPRODUÇÃO

Brasil, a barbárie em estado puro

Por Élio Gasda*

Derivado do grego βάρβαρος, bárbaro, de sentidos múltiplos e até opostos, o conceito pode expressar admiração, surpresa, beleza. Mas também pode qualificar algo, alguém ou um ato cruel, desumano, incivilizado: Crime bárbaro!

Foi no Império Romano que a palavra ganhou conotação preconceituosa para definir os povos que não compartilhavam o mesmo idioma e a mesma cultura dos centros econômicos e culturais da época. Bárbaros e Romanos não eram povos tão distintos. As famosas “invasões bárbaras” foram responsáveis por um importante intercâmbio cultural que contribuiu na formação econômica, linguística e religiosa da Europa. Muitas “invasões” foram pacíficas, com aval de imperadores, e esses povos se integravam de forma consistente à civilização romana.

Continue Lendo

UM GOVERNO ALHEIO À MORTE E DESTRUIÇÃO

Imagem: Correio Brasiliense

Por Vinicius Torres Freire

Morte e destruição não afetam Bolsonaro

Presidente se descola de epidemia, queimada, fracasso de renda básica, carestia de comida

Pantanal que queimou até agora é do tamanho de metade do estado do Rio de Janeiro. É mais ou menos o triplo da área da região metropolitana de São Paulo, onde vivem quase 22 milhões de pessoas em 39 cidades. É maior que o estado de Sergipe inteiro.

Algumas pessoas se comovem com a imagem horrível dos pobres bichos mortos ou fugindo do fogo queimados e asfixiados, pedindo água nas estradas e nas ruas das cidades à beira do inferno. 

Continue Lendo

DENTRO DE UM INFERNO, ALGO DO PARAÍSO NÃO SE PERDEU. Por Leonardo Boff

Se olharmos os cenários mundiais, temos a impressão de que a dimensão de sombra, o impulso de morte e a porção demente tomou conta das mentes e dos corações de muitas pessoas.

Particularmente em nosso país, criou-se até o “gabinete do ódio”onde grupos maus maquinam maldades, calúnias, distorções e todo tipo de perversidades contra seus adversários políticos, feitos inimigos que devem ser liquidados senão fisicamente, pelo menos simbolicamente.

Continue Lendo

241.000 CASOS DE COVID-19; MAIS DE 16.000 MORTES. O BRASIL REAL SOFRE.

São Paulo tem o maior número de casos confirmados (62.345), seguido de Ceará (24.255) e Rio de Janeiro (22.238)

O Brasil registrou 485 novas mortes pelo novo coronavírus (Covid-19) nas últimas 24 horas, totalizando 16.118. Até ontem (16), eram 15.633 mortes notificadas. A letalidade (número de mortes pela quantidade de casos confirmados) da doença no país está em 6,7%, a mesma de ontem (16).

O país teve 7.938 novos casos confirmados e chegou ao total de 241.080. Até o sábado, eram 233.142 infectados.O número de recuperados, de acordo com o boletim diário do Ministério da Saúde, chegou a 94.122, 39% do total de infectados. Outros 130.840 casos (54,3%) estão em acompanhamento. Há ainda 2.450 mortes em investigação.

Continue Lendo

BOLSONARO BOICOTA O COMBATE AO CORONAVÍRUS, afirma Luis Felipe Miguel

“Cada dia a mais do sociopata na presidência cobra um preço alto, em vidas humanas e em destruição do país”, escreve o cientista político Luis Felipe Miguel

O sujeito está boicotando o combate à pandemia – militando contra o isolamento, não entregando os suprimentos para os hospitais, atravancando o pagamento do auxílio emergencial.

Enquanto outros países começam a ver uma luz no fim do túnel, o Brasil se transforma do parquinho do coronavírus. Seremos párias na ordem mundial pós-pandemia.

Para o sujeito na presidência, a crise na saúde é uma oportunidade. Uma oportunidade para achincalhar o pouco que resta da ordem democrática no Brasil. Uma oportunidade para transformar de vez o Estado em sua milícia pessoal.

Continue Lendo