GASTANÇA

Por Pensar a História

A crise humanitária no Brasil em 2021 deve ser a maior em décadas. O aumento do desemprego, o fim do auxílio emergencial, a disparada do preço dos alimentos básicos nos supermercados e a pandemia de COVID-19 devem levar o país a uma situação de caos. Estima-se que 10,3 milhões de brasileiros já estejam com dificuldades alimentares – um número que deve dobrar nos próximos meses.

Dezenas de milhões de pessoas serão jogadas na pobreza extrema. No mundo da Barbie verde-oliva, a realidade é outra. Após promover severos cortes nas pastas da saúde e da educação e praticamente desmontar o setor de ciência e tecnologia, o governo Bolsonaro aumentou em 48,8% o orçamento das Forças Armadas. Pela primeira vez na história recente, o governo brasileiro vai gastar mais dinheiro com os militares do que com a educação.

Continue Lendo

EMBRAPA PERDE QUASE METADE DO ORÇAMENTO E PODE PARALISAR PESQUISAS

Postado por Blog do Valentin Café produzido pela Embrapa no Cerrado busca sustentabilidade com o recurso eficaz de água / Valter Campanato/Agência Brasil
Empresa referência mundial em inovação agropecuária, entra na mira dos ataques de Bolsonaro ao patrimônio público

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) sofreu corte de quase metade de seu orçamento para o ano que vem, o que pode afetar drasticamente o trabalho a estatal – hoje uma das maiores e mais respeitadas companhias do mundo no ramo e desenvolvimento e inovação tecnológica para o setor.

A proposta orçamentária do governo federal para 2020, enviada ao Congresso pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL), prevê redução na verba da Embrapa de R$ 3,6 milhões pra R$ 1,9 milhão. A peça deve ser votada até dezembro.

Continue Lendo