EM NOME DE DEUS? QUAL DEUS?

Padre Robson, pastor Everaldo e deputada Flordelis (Reprodução)

Nas últimas semanas os noticiários apresentaram matérias que demostram a instrumentalização do nome de Deus, do cristianismo e da fé.

Por Élio Gasda*

Professar uma religião ou pronunciar o nome de Deus não forma caráter. Contudo, a ingenuidade do rebanho é mais assustadora do que a má intenção do pastor. Ninguém está conseguindo ridiculariza o cristianismo mais do que muitos cristãos. Nas últimas semanas os noticiários apresentaram matérias que demostram a instrumentalização do nome de Deus, do cristianismo e da fé.

Continue Lendo

NO ECLIPSE DO BRASIL, SUPREMO, CENTRÃO, GENERAIS, PASTORES E RURALISTAS DOMINAM A CENA

O obscurantismo é, por enquanto, o movimento social mais forte

Por Vinicius Torres Freire / Folha

Nada de relevante vai acontecer na economia até que saibamos do ritmo da despiora. Pouco vamos saber da despiora até que se conheça o efeito do fim dos auxílios e socorros, mais de meio trilhão de reais, a partir de setembro e olhe lá.

Em si mesmas, uma despiora lentíssima ou uma recaída não provocam efeito político imediato, se algum. Por exemplo, Jair Bolsonaro se cansar de Paulo Guedes ou sua popularidade baixar aos 10%.

Não há oposição do establishment a Guedes. É improvável que militares ou pastores digam outra coisa no ouvido do seu capitão, os donos do dinheiro grosso muito menos, mesmo que o ministro dê mais foras. 

Continue Lendo

O ENQUADRAMENTO POLÍTICO DE DEUS

Postado por Blog do Valentin

Há muitas imagens de Deus e elas respondem aos jeitos de ser e às visões de mundo das pessoas que lhe rendem devoção

Da Carta Capital

Deus se meteu em política no Brasil. Escolheu um salvador para os brasileiros: o ex-capitão tornado presidente da República em 2018 Jair Bolsonaro. Foi esta a notícia que tivemos nesta semana por duas fontes: uma, oficial, pelo próprio presidente, que postou no Twitter a entrevista do apóstolo congolês líder de uma igreja evangélica na França, Steve Kunda, veiculada em abril pela Rede Super, TV da Igreja Batista da Lagoinha, onde a ministra de Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, atua como pastora. Na gravação, o apóstolo diz que fala “da parte de Deus”, por isso, “…aceitando ou não, você seja de esquerda ou de direita, o senhor Jair Bolsonaro é o Ciro [rei persa que tirou os judeus do exílio babilônico] do Brasil. Deus o escolheu para um novo tempo, para uma nova temporada no Brasil”.

Continue Lendo