TOPA TUDO PELA TOGA

Por Bernardo Mello Franco / O Globo

Na disputa por uma cadeira no Supremo, vale  tudo para agradar Boslonaro. Até ignorar a ciência e defender a reabertura de templos no pior momento da pandemia.

Na noite de quarta-feira, o procurador-geral da República pediu a derrubada do decreto paulista que suspendeu temporariamente os cultos presenciais. A medida fez parte de um pacote emergencial para tentar frear o avanço da Covid.


Sem argumentos racionais à mão, Augusto Aras apelou a um misto de negacionismo com misticismo. Ele disse estar preocupado com a “saúde mental e espiritual da população brasileira, que precisa de assistência religiosa para o enfrentamento de momento tão grave da epidemia”.

Continue Lendo

“CABO MENDONÇA E SOLDADO ARAS”

André Mendonça, Ministro da Justiça e Augusto Aras, Procurador Geral da República
Ministro da Justiça produziu dossiê contra ‘antifascistas’ e procurador-geral da República faz guerra contra Lava Jato

Por Celso Rocha de BarrosMendonça e Aras são cabo e soldado de Bolsonaro em novo ataque à democracia

O ministro da Justiça, André Mendonça, e o procurador-geral da República, Augusto Aras, são o cabo e o soldado de pés chatos que Bolsonaro usa em seu novo ataque à democracia brasileira.

Mendonça, que virou ministro da Justiça quando Moro deixou o cargo, vem se destacando na perseguição contra adversários do governo.

Produziu um dossiê contra “antifascistas” que incluía dois acadêmicos respeitados, Paulo Sérgio Pinheiro e Luiz Eduardo Soares, bem como policiais de esquerda, que poderiam vir a ser um obstáculo ao aparelhamento das polícias.

Continue Lendo

VAI SOBRAR PARA QUEM?

Postado por Blog do Valentin

Fernando Brito

Sobrou para o porteiro

Então tem-se que o Procurador Geral da República diz que todo o caso da”Casa 58″ já era do conhecimento da PGR, que em nada o sr. Jair Bolsonaro está envolvido e que, atendendo ao pedido de Sergio Moro e quem vai ser investigado agora é o porteiro do “Condomínio das Milícias” de onde saiu o “bonde” para matar Marielle.

O pobre funcionário, a esta hora, já esta na antessala de uma desgraça.

O mínimo que lhe vai acontecer perder o emprego. Não tem a menor condição de resistir às pressões por ter dito aquilo que, a ele, não traz nenhuma vantagem.

Continue Lendo

ESPERANÇA PARA OS MEDÍOCRES

Postado por blog do Valentin

Por Ricardo Costa de Oliveira

Rodrigo Janot Monteiro de Barros, um dos comandantes e articuladores do Golpe de 2016, nasceu em família de classe alta de Belo Horizonte, descendente de Romualdo José Monteiro de Barros e de Francisca Constança Leocádia da Fonseca, barões de Paraopeba, ele Presidente da Província de Minas Gerais, parente do poderoso visconde com grandeza de Congonhas do Campo, Lucas Antônio Monteiro de Barros, Ministro do Supremo Tribunal de Justiça do Brasil no Império.
Rodrigo Janot Monteiro de Barros, um dos criadores/patrocinadores da Farsa/Lava a Jato, foi finalmente desmascarado como ‘potencial facínora’ e foi repreendido pelo STF e investigado pela Polícia Federal, como muitas das suas vítimas. A fama do ministério público de conspirador, traidor, elitista, criminoso, homicida e facínora em potencial se confirmou na figura do seu ex-chefe golpista. A devassa no MP golpista revela o mesmo feitiço contra os feiticeiros e a desmoralização dos golpistas judiciais indica a etapa final do mesmo!
Continue Lendo

LAVA JATO: A REAÇÃO DO CANSAÇO, Por Jânio de Freitas

Postado por Blogdovalentin.

O fim da complacência com a Lava Jato ocorreu sob circunstâncias favoráveis

Por Jânio de Freitas / Folha

As quatro derrotas dos integrantes da Lava Jato, na última semana, oferecem uma percepção retardatária e bem-vinda. A força e a sequência das derrotas, apesar das pressões disseminadas pelo grupo, indicam o esgotamento da tibieza com que autoridades maiores se curvaram a tantos desmandos, à margem da ação legal contra a corrupção, daqueles juízes e procuradores associados. Alguns começam a ver as entranhas sob o papel corretivo da Lava Jato.

Se faltassem exemplos, o fundo financeiro idealizado por Deltan Dallagnol e seus coordenados exibiria, por si só, todo o descaso do grupo, e de cada componente, por seus limites funcionais e legais. Deslocar R$ 2,5 bilhões de multa aplicada à Petrobras, tornando-os um fundo sob influência do grupo da Lava Jato, constituiu uma pretensão tão audaciosa, que exigiu práticas bem conhecidas dos procuradores e juízes moralizadores.

Continue Lendo

PROCURA-SE A PROCURADORA

Postado por Valentin Ferreira

trio.jpgJanot (E), Dodge (C) e Brindeiro (D): a concorrência é fortíssima!

Em pertinente e balizado artigo, o colunista do Conversa Afiada, Joaquim Xavier, enumera uma série de fatos em que a Procuradora Geral da República, simplesmente não deu a mínima. Leia o “afiado” artigo.

Dodge Encalhou

Por Francisco Xavier / do Conversa Afiada

A cidadã que hoje está sentada na cadeira de procuradora-geral da república conseguiu uma proeza. Em pouquíssimo tempo, já disputa nos livros o papel de figura mais perniciosa e patética a ocupar o posto. E olha que a concorrência é lascada. Já vimos no cargo gente como Geraldo Brindeiro, um mero ajudante de ordens de FHC consagrado como “engavetador-geral da República” de tanto acobertar denúncias contra o sapo dos sociólogos.

Há pouco esteve no posto Rodrigo Janot. Muito se fala das trapalhadas deste, das artimanhas, da verborragia e atração por holofotes. Mas o lugar de Janot no panteão dos desastres resta garantido mesmo pela fiança deslavada concedida ao golpe parlamentar do impeachment de Dilma Rousseff. Isto a mídia em decadência esconde.

Continue Lendo