“SOBREVIVER, NESTE MOMENTO, NÃO É POUCA COISA”, DIZ O PSICANALISTA CHRISTIAN DUNKER DA USP

“Na psicanálise, a gente não concorda com a ideia de que ano bom é um ano feliz em que a gente não sofreu; sofrimento faz parte da vida”, afirma Dunker – Reprodução

Por Cristiane Sampaio /Brasil de Fato

Em conversa com BdF, professor da USP reflete sobre acervos pessoais e sobre como seguir em frente para descortinar 2021

Descoberta de um novo vírus, restrições de convivência social, confinamento, solidão, autodesenvolvimento, práticas de solidariedade, descompromisso com as medidas sanitárias, apatia moral ou trabalho voluntário. Como você teceu sua jornada ao longo deste ano? E como sobreviveu a este tão singular 2020? Qual o seu acervo pessoal ao final desta travessia?  

Para o psicanalista e professor do Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo Christian Dunker, o saldo do ano não é homogêneo, variando conforme as condições materiais e psíquicas de cada um. E sobreviver, neste momento, “não é pouca coisa”, diz ele.   

Continue Lendo

ENCRUZILHADAS DA VIDA: SABER ENCARAR AS MUDANÇAS

Postado por Valentin Ferreira

Momentos de transição são inevitáveis. Alguns são anunciados (um nascimento, uma rescisão de contrato de trabalho). Outros chegam de modo inesperado (uma doença, um encontro romântico). Às vezes, as mudanças nos desviam brutalmente do caminho que estávamos seguindo. Elas nos desestabilizam e nos mergulham na desorientação psíquica. Mas uma coisa é certa: É ao largar o que é antigo que finalmente poderemos receber o novo.

Por Pascale Senk – Le Figaro Santé / do Blog Luispellegrini.

Com a evolução da sociedade, as mudanças de trajetória são cada vez mais frequentes. É o que constata a psicanalista e coach Luce Janin-Devillars, autora de «Estar melhor no trabalho» (Editora Michel Lafont). «Hoje, os conceitos de sustentabilidade emocional, familiar ou profissional não existem mais. Ao casar, muitos casais sabem que provavelmente irão se divorciar, ela observa. Devemos estar prontos para viver muitas vidas em uma única existência!»

Continue Lendo