NEGROS SÃO MAIORIA NAS UNIVERSIDADES PÚBLICAS PELA PRIMEIRA VEZ NA HISTÓRIA

Postado por Blog do Valentin

A proporção de pessoas pretas ou pardas (que compõem a população negra) cursando o ensino superior em instituições públicas brasileiras chegou a 50,3% em 2018. Apesar desta parcela da população representar 55,8% dos brasileiros, é a primeira vez que os pretos e pardos ultrapassam a metade das matrículas em universidades e faculdades públicas.

Os dados estão no informativo Desigualdades Sociais por Cor ou Raça no Brasil, divulgado nesta quarta-feira (13), no Rio de Janeiro, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A comparação foi feita com as informações do suplemento de educação da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio – Contínua (Pnad Contínua), que começou a ser aplicado em 2016.

Continue Lendo

PAÍS SEM CIÊNCIA E SEM FUTURO

Postado por Blog do Valentin

Cortes em bolsas de pesquisa alastram-se e já afetam setores estratégicos, como a saúde. Propostas de remanejamento, como unir Capes ao CNPq, são ineficazes e podem enfraquecer ainda mais produção científica a longo prazo

Por Beatriz Jucá, no El País / Via Outras Palavras

Há dois anos, o pesquisador Lucas Pinheiro Dias estuda alternativas para o tratamento de infecções causadas por bactérias já resistentes aos antibióticos existentes no mercado. A pesquisa que ele desenvolve no pós-doutorado em Bioquímica que cursa na Universidade Federal do Ceará (UFC) têm relevância global: um levantamento da ONU estima que, até 2050, 10 milhões de pessoas no mundo poderão morrer anualmente por conta de doenças resistentes a medicamentos, e a Organização Mundial da Saúde considera este problema uma das dez maiores ameaças à saúde pública mundial.

Continue Lendo

O BRASIL POR TRÁS DO CARTAZ DE UMA MANIFESTAÇÃO

Postado por Blog do Valentin           João durante manifestação. BEATRIZ MOTA
João da Silva foi fotografado em ato pela educação, no Rio, com um cartaz que mostrava a realidade de muitos jovens da periferia: foi o primeiro da família a ingressar em uma universidade pública

João da Silva se pôs de pé às 5h, quando o sol ainda nem havia surgido por trás do Monte das Oliveiras —um morro anônimo apelidado assim por Francisca, sua avó, e que fica colado ao condomínio popular em que vivem. Seguiu a rotina: banho, cabelo na régua, visual na beca, pausa para a selfie no espelho do banheiro, preparo da marmita e a benção da matriarca antes de iniciar o rolê. No bairro de Senador Vasconcelos, zona Oeste do Rio de Janeiro, pegou um 397, ônibus que leva cerca de duas horas em direção ao centro da cidade. João trabalha de segunda a sábado como atendente de telemarketing, até as 15h.

Continue Lendo

AS REDES E AS RUAS

Postado por Blog do Valentin

Em mais um artigo que merece leitura atenta, Eiane Brum, no El País, entre outros ponto importantes, traça um paralelo entre  a representatividade da redes sociais e o movimento nas ruas. Diz: “As redes sociais não são ruas. Para ser rua é preciso corpo. O que se passa nas redes sociais é importante e têm definido nosso cotidiano. O que se passa nas redes sociais têm muitos impactos sobre a vida e sobre a percepção da vida.

Já podemos criar uma biblioteca inteira de livros que refletem sobre esse fenômeno. É necessário investigar o que as redes sociais são, em seus múltiplos significados. Tanto quanto saber o que não são. E as redes sociais não são rua.”

Abaixo o artigo completo com o título:

EU + UM + UM + UM + UM + A responsabilidade de cada um na luta contra a destruição do Brasil

Continue Lendo

TSUNAMI DA EDUCAÇÃO TOMA ESCOLAS E RUAS DO PAÍS

Postado por Blog do Valentin

dia nacional de greve na educação, neste 15 de maio, começa com paralisações em escolas e promessas de manifestações em dezenas de cidades pelo país todo. O movimento tem apoio de trabalhadores no setor de ensino, além de professores, pesquisadores, alunos e pais de alunos. A tag #TsunamiDaEducação já se posiciona no topo do Twitter.

Em São Paulo, é esperado um forte ato de protesto previsto para começar às 14h diante do Masp, na Avenida Paulista. Em Brasília, a partir das 10h, o ato unificado acontece no Museu Nacional. Belo Horizonte tem manifestação às 9h30 na Praça da Estação e às 15h na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Curitiba tem ato iniciado às 8h30 na Praça Santos Andrade com caminhada até o Centro Cívico.O Rio de Janeiro terá manifestação às 15 na Cinelândia.

Continue Lendo

O TREM QUE PASSOU POR CIMA DA EDUCAÇÃO BRASILEIRA

Postado por Blog do Valentin

Do Deutsche Welle

Uma verdadeira cruzada contra o ensino e a pesquisa está em andamento no Brasil. Nenhuma área-chave escapou da ofensiva do governo Bolsonaro. Os danos à ciência e ao desenvolvimento do país podem ser irrecuperáveis.

Continue Lendo