GASTOS DO GOVERNO: SÓ EM LEITE CONDENSADO, R$ 15.641.777,49

Imagem; Reprodução

Por Marcos Nogueira

Bolsonaro compra R$ 1 milhão em alfafa para refeições do governo

Está causando o maior sururu a lista de gastos com alimentação do Poder Executivo federal, comandado pelo presidente Jair Bolsonaro. O relatório das despesas de 2020, que é público, totaliza mais de R$ 1,8 bilhão. Mostra um aumento de 20% em relação ao ano anterior –o que condiz com a elevação dos preços da comida.

Alguns dados, porém, não deixam de ser intrigantes. Nas redes sociais, fez-se muito barulho a respeito dos R$ 15.641.777,49 pagos em leite condensado –sabidamente, algo que Bolsonaro aprecia comer no café da manhã com pão.

Continue Lendo

EDIR MACEDO E SILVIO SANTOS FICAM COM MAIOR PARTE DO BOLO PUBLICITÁRIO DO GOVERNO EM 2019


Da REDE BRASIL ATUAL

As Organizações Globo estão assustadas. Nunca antes em sus história foram tão atacadas como neste governo. Não que em outros momentos não tivesse sido tachada de parcial e golpista. A diferença, desta vez, é que os ataques passam da escala verbal para a material. A ameaça do presidente da República, Jair Bolsonaro, de não renovar as concessões dos canais de TV e o apelo aos anunciantes para que deixem de veicular propagandas nos veículos globais têm como alvo a própria sobrevivência da empresa. Para não se falar no fim da exigência da publicação de balanços em jornais impressos e no corte radical das verbas publicitárias oficiais passando a favorecer as concorrentes SBT e Record.

Neste caso os dados são significativos. Em 2017 a Globo recebeu 48,5% do total dos recursos gastos pelo governo com publicidade nas TVs. Em 2018 o percentual caiu para 39,1% e neste ano, segundo dados parciais coletados pelo Tribunal de Contas da União, o índice é de 16,3%.

Continue Lendo