“A ESPERANÇA TEM DUAS FILHAS LINDAS, A INDIGNAÇÃO E A CORAGEM” Santo Agostinho

IMAGEM: REPRODUÇÃO

Brasil, a barbárie em estado puro

Por Élio Gasda*

Derivado do grego βάρβαρος, bárbaro, de sentidos múltiplos e até opostos, o conceito pode expressar admiração, surpresa, beleza. Mas também pode qualificar algo, alguém ou um ato cruel, desumano, incivilizado: Crime bárbaro!

Foi no Império Romano que a palavra ganhou conotação preconceituosa para definir os povos que não compartilhavam o mesmo idioma e a mesma cultura dos centros econômicos e culturais da época. Bárbaros e Romanos não eram povos tão distintos. As famosas “invasões bárbaras” foram responsáveis por um importante intercâmbio cultural que contribuiu na formação econômica, linguística e religiosa da Europa. Muitas “invasões” foram pacíficas, com aval de imperadores, e esses povos se integravam de forma consistente à civilização romana.

Continue Lendo

BRASIL: A CADA 2 HORAS UMA MULHER É ASSASSINADA

Em 2018, 68% das mulheres assassinadas no Brasil eram negras, segundo o Atlas da Violência 2020, estudo anual produzido pelo Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) e pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP), que ganhou nova edição hoje.

De acordo com o levantamento, uma mulher é assassinada a cada duas horas no Brasil —foram 4.519 mulheres assassinadas em 2018, um índice de 4,3 a cada 100 mil mulheres que moram no país.

Continue Lendo

POPULAÇÃO É “ENGANADA” AO APOIAR FLEXIBILIZAÇÃO DA POSSE DE ARMAS, DIZ CORONEL DA RESERVA DA PM

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) quer armar a população — e está conseguindo.
A Sputnik Brasil ouviu um especialista para discutir os impactos de ter uma população
com maior acesso à armas de fogo.

Do Sputinik News

Bolsonaro buscou ampliar sua política armamentista com ao menos sete decretos, um projeto de lei e duas portarias, indica reportagem do Nexo Jornal. Quatro destes decretos terminaram derrubados. Ainda assim, o acesso às armas foi ampliado no país. Armas que eram de uso restrito, como pistolas 9mm, .40 e .45, agora podem ser compradas pela população e o limite de armas e munições que podem ser compradas por atiradores e caçadores foi ampliada. 

O presidente da República também já revogou portarias do Comando Logístico do Exército que buscavam fiscalizar e controlar a venda de armas e munições. O Ministério Público Federal abriu investigações sobre o episódio. 

Continue Lendo

POR QUE ELE MATOU PAI, MÃE E FILHO?

Dionatha Bitencourt Vidaletti (Reprodução/Facebook)

Por Vinicius de Carvalho

Em Porto Alegre, um cara de 24 anos de idade matou uma família inteira com tiros na cabeça, pai, mãe e filho, por causa de uma discussão de trânsito.


O cara é um evangélico neopentecostal chamado Dionatha (a crise é acima de tudo estética, eu digo), idolatra coisas militares, fotos em motos, carros e, pesquisando suas redes sociais, adivinha em quem ele votou e fez campanha apaixonadamente?
Pois é.

Continue Lendo

LUTA DE CLASSES NO BRASIL? NÃO EXISTE.

Há sim uma guerra disfarçada onde morrem milhares de pobres, negros, mulheres.

Por Valentin Ferreira

“A crise consiste precisamente no fato de que o velho está morrendo e o novo não pode nascer; neste interregno, aparece uma grande variedade de sintomas mórbidos.” escreveu Antonio Gramsci 

No Brasil os disfarces, a manipulação, o empurrar para debaixo do tapete faz parte da velha política que produz ricos cada vez mais abastados e um contingente de pobres cada vez mais assombroso. Daí toda a nefasta consequência de violência e morte que preenche o cotidiano desses deserdados.

O números já não impressionam. Eles fazem parte deste cenário, inteligentemente construído, para alienar e promover tácita aceitação. São frios com os corpos que jazem nas periferias e sarjetas, prematuramente assassinados. São amorfos para as elites políticas e econômicas insensíveis ao desemprego, sub-emprego e outras formas de marginalização, tão presentes e tão ignorados.

Talvez não sejam novidades para você. Os números mostrados abaixo são noticiados como se fossem fofocas do mundo artístico. As cenas, muitas delas mostradas em programas policiais de TV, são estúpidas, como quem lhes dá audiência.

Continue Lendo

“O QUE OS MOVE NÃO É RELIGIOSIDADE, É APENAS FASCISMO”

Um véu de religiosidade para o fascismo

Por Eugênio Bucci

Agora o pretexto foi o especial do Porta dos Fundos, a produção humorística chamada A Primeira Tentação de Cristo (em cartaz no Netflix). De pronto as falanges do moralismo rabugento alegaram que o filme afronta as tradições cristãs e ato contínuo desferiram seus ataques. Uma vez mais a intolerância que vem sufocando a vida cultural brasileira mostrou sua face medonha. Sombras cobriram as festas de fim de ano.

O pesadelo começou na véspera de Natal, quando um grupo de vândalos jogou coquetéis Molotov na sede do Porta dos Fundos, no Rio de Janeiro, espalhando labaredas pelo estabelecimento. Em seguida, num vídeo sinistro que circulou nas redes sociais, uns tipos mascarados, falando em nome de um integralismo funesto, assumiram a autoria do atentado. Contra a comédia de ficção, o terrorismo real se impôs.

Continue Lendo