VOCAÇÃO: QUAL É A SUA?

Quando se fala em vocação, logo se pensa na questão religiosa. Esta é apenas uma delas. Descobrir qual é a vocação não é tarefa fácil. Tanto na questão religiosa quanto na profissional, tempos ótimos e péssimos exemplos de pessoas que, por influência familiar ou não, optaram de forma correta ou trilharam um caminho que mais tarde descobriram que não era a sua praia. Escolas e profissionais especializados têm contribuído na ajuda dessa importante tarefa. Sempre é bom lembrar: nós somos aquilo que escolhemos. Abaixo algumas dicas elaboradas pelo Sebrae.

1-Pense no que você quer ser

Esqueça por um momento que você precisa treinar para a profissão e pense no que deseja ser, não no que está se sentindo pressionado a estudar.

Pergunte a si mesmo o que você deseja fazer no seu futuro, como gostaria de gastar seu tempo e ganhar a vida. Só então saberá qual é a sua vocação.

2- Esqueça-se do dinheiro

Você não pode orientar sua decisão por razões econômicas, porque se escolher uma carreira que, em uma área que não lhe agrada apenas, trabalhará infeliz por toda a vida.

Continue Lendo

VIVER É CUIDAR, Por Marcelo Barros

Postado por Valentin Ferreira

O  que mais define o ser humano não é a capacidade de pensar, nem é a possibilidade de criar,  mas, principalmente, sua vocação de cuidar.

Por Marcelo Barros (*)

Somos todos filhos e filhas do cuidado. Ninguém sobrevive sem ter, ao menos nos primeiros dias, uma pessoa que lhe garanta os cuidados necessários. Mesmo depois, a criança continua precisando de uma mãe ou/e pai. Na Índia, do século V antes de nossa era, Sidharta Guatama, o Buda, afirmava: “Todos/as somos chamados a olhar a outra pessoa como uma mãe carinhosa olha o filho que está em seu útero”.

Desde os tempos antigos até filósofos do século XX como Heidegger, compreenderam: o que mais define o ser humano não é a capacidade de pensar (“O ser humano é um animal racional). Nem é a possibilidade de criar. O ser humano se define, principalmente, pela vocação de cuidar.

Continue Lendo